STFC – Serviço Telefônico Fixo Comutado. Veja como estão os números do serviço no Brasil


Frequentemente empresas provedoras buscam formas de otimizar as suas redes e principalmente de melhorar o faturamento da empresa. Algumas destas soluções para ambas questões são a inclusão de novos serviços ao seu portfolio de serviços, como os serviços de telefonia fixa e tv por assinatura.

Hoje para falar um pouco mais sobre um destes serviços, o de telefonia fixa, trouxemos os dados apresentados pela Anatel esta semana, mostrando o fechamento dos dados de 2018 para as operações de STFC.

O Brasil registrou 38.306.837 milhões de ativos de telefonia fixa em operação no mês dezembro de 2018, de acordo com dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Portanto se você é do time que tem dúvidas do quão grande é o número de clientes utilizando o serviço, você deve procurar por especialistas para saber mais a respeito.

Em dezembro de 2018, 16.576.291 linhas fixas foram registradas pelas autorizadas no país e 21.730.546 pelas grandes concessionárias.

 

Mas como este serviço permanece com mais de 38 milhões de usuários mesmo após a explosão do Móvel no mercado e redução no uso domiciliar como nas décadas passadas?

 

Existem nichos de mercado muito propícios para a telefonia, e essa fatia é bastante rentável para as empresas que se dedicam a atende-la. A área corporativa, comércios, lojas, indústrias, call centers, distribuidoras, empresas que operam comercialmente via telefone, redes hoteleiras, clubes sociais e inúmeros outros ramos da indústria e comercio necessitam destes serviços em todas as cidades do país. Além é claro, de famílias que optam pelo uso do telefone fixo em suas residências.

Empresas que já possui uma boa infraestrutura de fibra, por exemplo, tem maior facilidade e redução dos custos na implementação do serviço em seu escopo de serviços. De 2017 para 2018, houve um crescimento de mais 322 mil novas linhas de clientes (das Autorizadas) utilizando a tecnologia de fibra óptica no Brasil como você pode acompanhar abaixo ou diretamente no site da Anatel.

 

POR TECNOLOGIA (números das Autorizadas)

Fibra:
(2017) 1.927.709 milhões de acessos
(2018) 2.250.698 milhões de acessos

Cabo Metálico:
(2017) 4.562.286 milhões de acessos
(2018) 4.352.398 milhões de acessos

Sem Fio Terrestre
(2017) 2.780.107 milhões de acessos
(2018) 2.319.661 milhões de acessos

Outras Tecnologias
(2017) 7.616.338 milhões de acessos
(2018) 7.653.520 milhões de acessos

 

POR ESTADOS

Entre as autorizadas, no mês de dezembro, o estado de São Paulo apresentou a maior quantidade de linhas fixas com 5.594.162 de linhas fixas (33,74% do total), seguido pelo Rio de Janeiro, 1.987.601 (11,99%), e Paraná, com 1.546.240 (9,32%).

Entre as concessionárias, São Paulo registrou 8.777.932 de linhas fixas (40,39%), seguido pelo Rio de Janeiro 2.434.552 de linhas (11,20%), e Minas Gerais, 2.304.859 de linhas (10,60%).

Se ampliarmos os índices de crescimento por Regiões, os destaques ficam para o Centro-Oeste e Sul, onde houve aumento no números de novas linhas fixas no país, Sudeste e Norte quase se mantiveram estáveis, mas com pequena redução, enquanto o Nordeste apresentou recuo no número de linhas fixas.

 

Acesse dados detalhados referentes ao serviço de telefonia fixa.

 

Quer saber mais sobre o Serviços de Telefonia Fixa? Acesse o nosso Editorial “Entrevista com o Especialista” no Blog da MHemann e tire dúvidas.

“Clique Aqui”

 

A MHemann é Pioneira em Assessoria para Provedores e desde 2003 ajuda sua empresa na regulamentação de STFC, SCM e SeAC frente a Anatel. Solicite uma proposta com a nossa equipe comercial.

 

E-mail: comercial@mhemann.com.br

Telefone: (51) 37379774

WhatsApp: (51) 993132581

 

 

Fonte: Anatel | MHemann

 



 

Quer saber tudo sobre a Operação de Telefonia Fixa? Confira o nosso novo editorial que trata do assunto com especialistas do assunto.