As tecnologias convergentes estão acelerando o progresso humano e criando oportunidades inesperadas a um ritmo insondável. Todos os anos, a Singularity University Global Summit reúne uma coleção de pensadores, líderes e realizadores de classe mundial para ajudar a redefinir o futuro dos negócios, tecnologia e humanidade como um todo.

Este é um evento emblemático, e a única vez no ano, quando toda a comunidade da SU consegue reunir-se. A UN Global Summit 2017 aconteceu entre os dias 13 e 15 de agosto, em San Francisco na Califórnia. Foi uma reunião incrível, com 1400 participantes de 64 países, sendo a delegação brasileira a maior em representantes.

 

Singularity-Uni-Summit

 

Vários dos temas apresentados não são apenas projeções da tecnologia para o futuro, mas já estão presentes no nosso cotidiano e devemos estar atentos à eles para acompanhar o mercado de negócios e ajudar neste processo pensando melhorias para a sociedade.

  • No futuro teremos muito mais máquinas do que humanos.
  • Automação e inteligência artificial criarão empregos. Posso tornar qualquer coisa inteligente usando inteligência artificial e ganhar dinheiro com isso. Estados Unidos é o país mais automatizado do mundo e não perdeu emprego com isso.
  • 2020, 85% das interações com clientes será através de máquinas. E essa será uma das formas de se diferenciar dos concorrentes.
  • Em 2030, mil dólares vão comprar poder computacional equivalente ao cérebro humano. Em 2050, mil dólares vão comprar poder computacional equivalente a todos os cérebros humanos juntos.
  • 20% de todas as buscas em dispositivos móveis já são feitas por voz.
  • Existem 2.6 bilhões de smartphones no mundo. E 9 vezes mais dados somente nos últimos DOIS anos.
  • O mundo hoje está fazendo a transição da era industrial para a digital da mesma forma que anos atrás fazia da era agrícola para a industrial. Mas MUITO mais rápido.
  • Robôs serão considerados uma opção de força de trabalho. Assim como hoje consideramos funcionários, terceiros, freelances e a crowd. Simples assim.
  • Em 2010 1.8 Bilhões de pessoas estavam conectadas à internet. Em 2017 são 3 Bi. Entre 2022 e 2025 será o mundo inteiro. Com mais conexões, mais oportunidades, mais gênios.
  • As próximas duas décadas serão diferentes de qualquer coisa que vivemos nos últimos cem anos.
  • Veículos e objetos autônomos vão mudar as cidades profundamente.
  • Veículos elétricos tem 90% menos partes moveis do que veículos tradicionais.
  • Na China todos os taxis serão elétricos até 2020.
  • O custo de um carro elétrico vai reduzir drasticamente nos próximos 5 anos. Razões: demanda e abundância.
  • As ferramentas do nosso tempo: big data e machine learning.
  • 75% dos millennials consideram a comunicação através de mensagens de texto uma opção de relacionamento com o cliente e tem duas vezes mais chance de se manter fiéis à empresas que oferecerem essa forma de comunicação com eles.
  • Empresas hoje já produzem carne de frango e gado sem matar nenhum animal. A partir da célula animal.
  • Criatividade, empatia e coragem são as habilidades do futuro.
  • As pessoas vão aprender dentro de uma lógica de “nano-learning”, e não de um longo investimento em educação para usar somente um percentual mínimo daquilo que se aprende. Todos terão um portfólio de trabalho, que será nano-desenvolvido.
  • Os maiores problemas do mundo são também as maiores oportunidades de negócio.
  • O Vale do Silício tem uma palavra para descrever fracasso. Se chama experiência.
  • Hoje existe abundância de capital, conhecimento, habilidades e tecnologia. Não há desculpa para não fazer as coisas. Não há limites. A única limitação é a nossa convicção e comprometimento de simplesmente ir e fazer.
  • Em poucos anos todos trabalharão para aprender, ao invés de aprender para trabalhar

Estes foram alguns dos principais temas apresentados durante os dias de Global Summit. Assuntos como automações na indústria, aumento nas trocas de dados, utilização de ferramentas digitais no trabalho e para resolução de problemas da sociedade nos fazem pensar na necessidades e benefícios de IoT e o desenvolvimento de cidades inteligentes, onde todas as “coisas” terão relações e trocas de informações. Embora ainda existam barreiras para suas aplicações, as soluções surgem a cada momento aprimorando as aplicações de IoT.

O Brasil já começou a dar passos para este caminho. 

Cidades Inteligentes são destaque em Enquete sobre IoT